lentes de contato

Os riscos da falta de higiene com as lentes de contato

Você sabia que lentes de contato mal higienizadas podem causar infecções e danos irreversíveis aos olhos? Existem bactérias e fungos que adoram utilizar esses produtos como meio de proliferação. O olho, como sabemos, além de ser um dos órgãos essenciais, por ser responsável pela nossa visão, é também muito sensível.

Devido à fragilidade dos olhos, é preciso que haja atenção especial nos cuidados de limpeza e manuseio dos materiais que mantém contato próximo a eles. Isso porque até a água pode ser meio de contaminação, dependendo do tipo de bactéria presente nela.

Felizmente, quando tratados a tempo, a maioria dos casos de infecções e inflamações decorrentes do mau uso das lentes podem ser recuperados. Entretanto, se houver danos mais graves à córnea, a visão poderá ficar prejudicada para sempre.

Os riscos da limpeza incorreta das lentes de contato

As pessoas que utilizam lentes de contato oculares reutilizáveis são constantemente aconselhadas quanto à limpeza e manipulação desses produtos.  E não é para menos! Aquilo é um corpo estranho que entra em contato direto com os olhos, sem proteção.

Tanto as nossas mãos, quanto o estojo de armazenamento podem conter agentes infecciosos que se proliferam onde quer que entrem em contato. O grande risco da limpeza inadequada das lentes, então, é exatamente o festival de infecções que podem afetar os olhos. Isso acontece devido à quantidade de substâncias e agentes, advindos de diversos lugares, que vão se acumulando na lente mal higienizada.

A consequência desse descaso com a limpeza pode ser uma simples irritação ou até mesmo a cegueira. Conheça os principais problemas causados pelas lentes sujas.

Problemas causados pelas lentes de contato infectadas

Irritações

Os resíduos que vão se juntando na lente quando ela não é limpa conforme as orientações do fabricante, passam para o olho assim que eles entram em contato. Como os olhos são frágeis, é comum ficarem vermelhos, lacrimejando e transmitindo a sensação de que há areia ao piscar.

Úlcera de córnea

As úlceras de córnea são provocadas por alguns agentes infecciosos que se depositam nas lentes e acabam infectando os olhos, quando há o contato. Causam uma dor muito forte, sensação de corpo estranho, vermelhidão e alta sensibilidade à luz. As complicações desses casos podem resultar em perfuração da córnea ou cicatriz fibrosa que compromete a visão.

Conjuntivite

As conjuntivites bacterianas são transmitidas por meio do contato com objetos contaminados. No caso das lentes de contato, as bactérias podem se alojar ali até serem conduzidas aos olhos. Causam dor, vermelhidão, secreção e alto risco de infectar outras pessoas.

Ceratite

Ceratite é a inflamação que ocorre na camada superficial da córnea. Uma das razões mais comuns para o aparecimento desse problema é a má higienização das lentes de contato. Quando o tratamento não é realizado de forma apropriada, pode provocar cegueira momentânea.

Como higienizar as lentes de contato corretamente

As lentes de contato precisam ser higienizadas antes e depois da utilização. Sempre que for manuseá-las lave as mãos com água e sabão. Após retirá-las do estojo, utilize o produto recomendado pelo seu oftalmologista ou pelo fabricante das lentes para limpá-la. Ao pingar o produto, pressione-a levemente com as pontas dos dedos para tirar qualquer resíduo da superfície. Ao guardá-las no estojo, certifique-se que ele se encontra limpo e troque a solução de armazenamento a cada no uso.

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficaremos muito felizes em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do nosso trabalho como oftalmologistas em Belo Horizonte!

Comentários

Posted by DUO Oftalmologia e Plástica Ocular